« Home | Fundamentalismo » | Posse de 32 novos juízes em Angola » | A CULTURA DO MEDO » | União Europeia alarga-se » | A EXCELÊNCIA PORTUGUESA, AQUÉM E ALÉM FRONTEIRAS » | Magistrados municipais e oficiais de justiça em Fó... » | DE SUA JUSTIÇA » | JOGAR XADREZ Nada acontece por acaso. Costumam d... » | MAIS UMA REACÇÃO CORPORATIVA » | O Compromisso Portugal [2] Senhoras e senhores: os... »

"Por que não pensei eu nisso antes de vender os prédios?"

«A Grécia resolveu incluir dinheiro obtido ilicitamente no cálculo de seu PIB (Produto Interno Bruto, soma das riquezas produzidas por um país).
O chefe do Serviço Nacional de Estatísticas, Manolis Kontopyrakis, afirmou que "o PIB revisado vai incluir dinheiro de atividades ilegais, como do contrabando de cigarros e bebidas, da prostituição e da lavagem de dinheiro".
O PIB da Grécia alcançou 180 bilhões de euros no ano passado e estima-se que atingirá 194 bilhões em 2006. Já a economia informal do país movimentaria entre 40 bilhões e 60 bilhões por ano.
A mudança na metodologia de cálculo do PIB deve ajudar a Grécia a cumprir metas fiscais acertadas com a União Européia. O bloco limita em 3% do PIB o déficit orçamentário para seus países-membros.» (notícia)

Esta do bilhão...é uma bilha muito grande?
Ou estamos a pensar em bilião? e se for bilião é um bilião à portuguesa (10 elevado a 12) ou à inglesa (10 elevado a 9)??

Só um brasileiro pode responder: as aspas não enganam.

Enviar um comentário

ligado

Criar uma hiperligação